PACS

Sistema PACS – permite a eliminação de fluxo de filme, possibilitando: pós-digitalização e processamento, distribuição e armazenamento de imagens médicas.

Descritivo do sistema PACS

Imagine que sua empresa possa reduzir o tempo de entrega dos exames, e o aperfeiçoamento do diagnóstico médico, possibilitando uma melhor análise das imagens. Isso seria muito bom, não é?

Sim, mas acredite, é possível porque o sistema PACS da SPDATA permite a eliminação de fluxo de filme e ainda, possibilita: pós-digitalização e processamento, distribuição e armazenamento de imagens médicas (ultrassonografia, ressonância magnética, tomografia computadorizada, endoscopia, mamografia e radiografia).

Porém, é necessário que você saiba mais sobre nossos propósitos principais com a introdução de um PACS nas instituições médicas. Veja:

Propósitos:

  • A substituição dos filmes radiográficos em favor da utilização das imagens digitais: a constante queda dos preços do armazenamento digital oferece uma crescente vantagem na relação custo/benefício do formato digital em comparação ao armazenamento em filme.
  • Acesso remoto às imagens: a distribuição digital das imagens agiliza o processo médico para a confecção de laudos e a possibilidade do uso da Telerradiologia, que permite a participação de outros profissionais no processo de decisão.

DCM4CHEE

O que é isso? Iremos explicar.

Dcm4che é um conjunto de aplicações open source e utilitários para empresas de saúde. Estes aplicativos foram desenvolvidos em linguagem de programação Java para o desempenho e portabilidade, de apoio à implantação do JDK 1.4 e acima.

Na verdade o Dcm4chee é um Gerenciador de Imagem / Image Archive. O pedido contém DICOM, HL7 serviços e interfaces que são necessários para fornecer o armazenamento, recuperação e fluxo de trabalho para um ambiente de cuidados de saúde.

A essência do projeto Dcm4che é uma implementação robusta do padrão DICOM. O Dcm4che-1.x toolkit DICOM é utilizado em muitos aplicativos de produção em todo o mundo, enquanto o atual (2.x) versão do kit de ferramentas foi re-projetado para alto desempenho e flexibilidade, que também estão incluídas no projeto Dcm4che.

Agora você precisa saber como o Dcm4chee funciona. Ele é pré-embalado e implantado dentro do JBoss servidor de aplicativos. Dessa maneira, tirando partido das muitas características JBoss (JMS, EJB, Servlet Engine, etc.), em prol da interoperabilidade, o aplicativo fornece muitos serviços robustos e escaláveis:

 

Veja as suas Funcionalidades:

  • Menor exposição dos pacientes a radiação, já que com os exames armazenados os mesmos podem ser manipulados/visualizados/impressos quando necessário;
  • Possibilidade de visualização dos exames nos setores do hospital através de aplicativos de visualização gratuitos;
  • Visualização das imagens pela internet;
  • Possibilidade de utilização de qualquer visualizador de imagens DICOM buscando imagens do servidor, em todos os setores do hospital;
  • Suporte Via Internet;
  • Base de dados Mysql (sem custo com licenças);
  • Redução significativa dos custos com filmes radiológicos;
  • Possibilidade de gravação dos exames em diversas mídias;
  • Envio de exames para Celular do médico (caso possua aplicativo de visualização e estejam dentro da rede);

Possibilidade de envio das imagens de qualquer equipamento médico compatível com padrão DICOM, como tomografia, ressonância magnética, Raios-X digital, Mamografias, ultrassonografia, densitometrias, entre outros.

Deixe uma resposta